A Martin possui um vasto inventário de tambores para transportadores de correias, que confiavelmente atendem às suas necessidades de aplicação de forma confiável. Os tambores de serviço pesado para transportadores de correia da Martin são fabricados para oferecer um ótimo desempenho e longa duração, ideais em ambientes mais severos.

Os sistemas de transporte integram a linha de transporte a mais de 100 anos, a demanda por maiores capacidades, eficiência e segurança fez com que as empresas de componentes de transportadores melhorassem continuamente os projetos de seus produtos.

Se a distância do transporte for acima de 1KM (quilômetro) o transportador de correia geralmente será mais econômico do que o transporte com caminhões.

Os transportadores de correia são mais seguros, pois a interação direta com os trabalhadores é limitada. As emissões de poeira podem ser controladas, causando um menor impacto ao meio ambiente. Tradicionalmente eles oferecem um custo operacionais baixos, podendo ser projetados com ângulos inclinados e curvas horizontais.

LOCALIZAÇÕES DOS TAMBORES

Para onde vão?
Para onde vão?

POSIÇÃO 1

Tambor de cabeça: É o tambor na extremidade de descarga de um transportador de correia. Pode ser um tambor esticador ou um tambor motriz. Geralmente tem um diâmetro maior que os outros tambores do sistema e muitas vezes é revestido para aumentar a tração e vida útil do tambor.

POSIÇÃO 2 

Tambor de contato: É montado próximo ao tambor motriz no lado de retorno da correria, a principal função deste tipo de tambor é aumentar o arco de contato ao redor do tambor motriz, consequentemente, aumentando a tração.

POSIÇÃO 3

Tambor de dobra: É usado para mudar a direção da correia para o sentido do esticador de gravidade. Pode estar revestido para oferecer maior durabilidade.

POSIÇÃO 4

Tambor esticador: Utilizado para ajustar as mudanças no comprimento da correia do transportador mantendo o tensionamento adequado.

POSIÇÃO 5

Tambor de cauda: É o tambor na extremidade do transportador de correia oposto a extremidade de descarga.

Tambores Wing
Imagem ilustrativa Tambores Wing.

CONSIDERAÇÃO SOBRE A SELEÇÃO DE TAMBORES

Ao selecionar os tambores não há uma resposta perfeita de quando aumentar o serviço, mas algumas razões a levar em considerção na escolha dos tambores são:

  • Tensão da correia e ângulo de envolvimento;
  • Números de ciclos de partida e parada;
  • Ambiente;
  • Manutenção;
  • Custo.

TAMBORES DE SERVIÇO PADRÃO MARTIN

A Martin fabrica tambores de tubos de parede expeça ou são fabricados a partir de tubos ou carcaças de face coroada ou plana. A Martin oferece tambores de serviço padrão que:

  • Podem ser usados em todas as posições do transportador;
  • Deve ser utilizado como tambor motriz;
  • Eles permitem uma operação mais suave para a correria transportadora.

TIPOS DE TAMBORES MARTIN

Tipos de tambores Martin.
Tipo de tambores Martin.

USINADOS: Para formar a coroa e garantir a excentricidade mínima. Aplica-se a todas as classes de tambores. Diâmetros de 31/2 a 103/4, com face coroada ou plana.

SERVIÇO PADRÃO STANFORD: É um tambor feito de duas peças cortadas e encaixadas hidraulicamente ao redor de dois discos robustos laterais para garantir a concentricidade máxima, também podem ser fabricados a partir de um tubo. Diâmetro de 12° a 60°, discos laterais de mínimo 3/8.

SERVIÇO PESADO MINE: Dependendo do diâmetro é oferecido com discos laterais integrais com soldas de arcos submersos. Diâmetro de 10° a 60°.

SERVIÇO EXTRA PESADO: Oferecem uma espessura mínima de ½ polegada. Diâmetro de 12° a 60°, discos laterais integrais e chavetas quadradas.

PARTES DOS TAMBORES

Partes do tambor.
Imagem informativa sobre Partes do tambor.

As partes dos tambores são:

  • Tambor;
  • Disco lateral;
  • Cubo e bucha.

Todos os tambores da classe CEMA utilizam as partes centrais, exceto nos de 26 polegadas de largura da face e nos menores. Os discos centrais não são usados em tambores de engenharia.

OPÇÕES DE REVESTIMENTO

Opções de revestimento.
Imagem informativa sobre opções de revestimento.

Há varias razões pelas quais um tambor é revestido, duas delas são: Aumentar a tração e proteção contra desgaste. O revestimento ranhorados reduzem o acúmulo de material entre tambor e correia e elimina a umidade evitando o deslizamento da correia.

Revestimento vulcanizado com superfície lisa: É normalmente usado em tambores que não são motrizes e onde não é necessário eliminar a umidade para aumentar a tração.

Revestimento vulcanizado com friso de espinho de peixe: Dão aos detritos um lugar para onde ir, visando aumentar o contato da correia com o tambor motriz. As ranhuras devem apontar para a direção do deslocamento da correia.

Revestimento vulcanizado com friso diamantado: Podem ser utilizados para aplicações de transportadores reversíveis. Outros padrões de revestimento menos comuns incluem os revestimentos horizontal e o radial.

OPÇÕES DE REVESTIMENTOS MARTIN:

Opções de revestimento Martin.
Imagem informativa sobre opções de revestimento.

As opções de revestimento da Martin são projetadas para atender as demandas de sua aplicação. A Martin oferece revestimento de borracha vulcanizadas e outros opções de revestimento disponíveis são:

Revestimento RA (Resistente a abrasão): Muito usado em aplicações robustas ou no transporte de materiais abrasivos. O mesmo composto de borracha usado em pneus de maquinas de terraplanagem. Oferece uma vida mais longa de duas a três vezes em relação a borracha de estireno butadieno regular ou SBR.

Condutor estático resistente a óleo e a fogo ou SOF: Reduz o risco de explosão de fogo ou óleo relacionadas a falhas do revestimento. As características autoextinguíveis do SOF o tornam ideal para o uso de transporte de grãos e fertilizantes.

Revestimento vulcanizado a frio: São as mantas de borracha pré-curada adequadas para instalação diretamente na face do tambor, podem ser aplicados quando os tambores estão em operação para reduzir o tempo de parada. Disponível em padrão liso ou com friso diamantado. O revestimento cerâmico vulcanizado da Martin é a melhor opção da indústria.

O revestimento MSHA: Deve ser usado em todas as aplicações de mina de carvão subterrânea e em qualquer aplicação em que seja imprescindível a segurança contra fogo. Podem ser fornecidos como padrões lisos com friso de espinha de peixe ou com friso diamantado.

Uretano moldado: Em estado lÍquido é derramado em um tambor, curado, endurecido e depois usinado. O revestimento com uretano protege os tambores contra abrasão extrema, também é usado em aplicações onde o acúmulo de material pode ser um problema. Os materiais não tendem a se prender a ele.

Tambores de serviço pesado para transportadores de correia.
Imagem informativa sobre: Nomenclatura dos tambores de serviço pesado para transportadores de correia.

TAMBORES DE ENGENHARIA MARTIN

Tambores de engenharia Martin.
Imagem informativa sobre os tambores de engenharia Martin.

A linha de tambores de engenharia Martin não se limita apenas as aplicações de altas e extremas toneladas. Esta classe de tambor pode ser usada de forma eficaz em todos os setores da indústria para garantir um ótimo desempenho e maior durabilidade do tambor. O padrão CEMA define esses tambores como um equipamento que foi especificamente projetado para atender as condições de carga de um determinado transportador de correia.

Como podemos ver na figura, os tambores de engenharia oferecem solda de penetração total o que promove uma resistência adicional nos pontos de alta tensão, além disso, o dispositivo de fixação em chaveta reduz a tensão na conexão tambor/eixo e, por não haver nenhuma solda, elimina falha na mesma.

Tipos de tambores de engenharia Martin.
Imagem informativa dos tipos de tambores de engenharia Martin.

DISPOSITIVOS DE FIXAÇÃO NO TAMBOR DE ENGENHARIA

Para entender: um dispositivo de fixação sem chaveta é como uma bucha independente requer um cubo de furo reto e está disponível com furos métricos e em polegadas.

O B106 é um elemento de fixação sem chaveta simples. O B6 trabalha com cargas de torque equivalente as das buchas MXT.

O B115 ou B112 permitem um dupla ação, possui maior capacidade de torque e de flexão que o B106. O B115 suporta torque significativamente maiores que as buchas XT.

Imagem descritiva sobre a nomenclatura dos tambores de engenharia Martin.

TAMBORES WING MARTIN

Imagem informativa sobre os tipos de tambores Wing Martin.

São construídos a partir de materiais extremamente robustos e são reconhecidos na indústria como os tambores de linha com os maiores graus CEMA. O objetivo do tambor WING é, principalmente, proteger a correia, em muitos casos detritos podem ficar presos entre tambores e correia e em tambores tradicionais estes detritos acabam por danificar a correia e o revestimento do tambor e, em casos extremos, podem até furar a correia.

 Com o tambor WING o material cai entre as barras e é expelido pelo tambor para fora de seu interior. A vibração causado por o contato das barras com a correia pode criar uma ação de limpeza na correia.

Os tambores WING impedem que a correia seja perfurada e são usadas para empresa das correias. Não são recomendados para correia com cabo de aço ou correias com alta tensão P e W e não existem tambores WING de engenharia.

PARTES DO TAMBOR WING:

Todos os tambores Wing possuem o desenho do tubo final. As partes dos tambores Wing são:

  • Asas: Formam o tambor e suportam as barras de contato;
  • Barras de contato: Podem ser barras planas, barras batedoras, entre outras;
  • Cubo: Podem ser QD, MXT, MHE ou TB.

TAMBOR CLEAN FLIGHT WING

Tambores autolimpantes Clean Flight Wing Martin.
Imagem informativa sobre os Tambores autolimpantes Clean Flight Wing Martin.

É uma construção inovadora patenteada que incorpora tecnologia de um transportador helicoidal a um tambor com a finalidade de expulsar o material.

Algumas das vantagens operacionais dos tambores autolimpantes CLEAN FLIGHT WING são:

  • Redução de ruído;
  • Menor vibração na operação;
  • Melhora o posicionamento da correia;
  • Ajuda na limpeza da correia;
  • Facilita a saída de material.

TAMBORES DE CONSTRUÇÃO ESPECIAL

Os processos especiais de fabricação exigem tambores especiais o equipamento pode ser usado para mineração, produtos químicos, processamento de resíduos ou qualquer outro tipo de aplicação. A Martin oferece tambores para uma ampla variedade de aplicações, oferecem os seguintes tambores de construção especial:

TAMBORES EM ESPIRAL: Uma espiral enrolada de forma helicoidal a partir do centro em ambas as direções e aponta para a direção da borda da correia, como se fosse um revestimento com friso espinha de peixe em um tambor. A Martin solda a espiral sobre as barras de contato de um tambor WING. São usadas para aplicações de alta velocidade, como: grãos, areia, carvão, etc. São usados como tambor de borda dos elevadores de caneca. O tambor com espiral é padrão para proteger a união da correia.

TAMBORES DE EIXO ESTÁTICO: São usados quando temos limitações de espaço ou com ambientes com problema de contaminação. Elimina o eixo rotativo pode estar parcial ou completamente submerso em água, os rolamentos estão protegidos dentro do tambor contra acumulo de material, queda de detritos, entre outros. Também podem ser oferecidos com construção tipo WING.

TAMBORES DE GAIOLA: São eficazes ao permitir que o material caia entre as valetas do tambor.

ROLETES GUDGEON: São usados para transportar produtos a granel sem uma correia transportadora diretamente sobre a face do rolo como em madeiras e siderurgia.

ROLAMENTOS

Imagens ilustrativa sobre rolamentos.

Um rolamento é um elemento da máquina que transmite carga entre duas superfícies que se movem em direção opostos e com fricção mínima. Cada tambor gira em um eixo com dois rolamentos. A Martin pode fornecer unidades do tipo SAF, tipo E e rolamento de Esferas de piso, de parede e do tipo esticador.

Escolha a melhor forma de contato:

Nossa equipe está pronta para prestar um atendimento de excelência, contate-nos:

Email: [email protected]

Telefones:

Americana – SP Fone: (19) 3604-6299 (19) 3604-7871

Criciúma – SC Fone: (48) 3411 5287

WhatsApp: (19) 99783-8567 Link Direto com nosso WhatsApp

Plantão 24 horas para emergências: (19) 97112-0805

Nossos Endereços:

Av. Abdo Najar, 1065 – Vila Galo, Americana – SP, 13466-390

Av. dos Imigrantes, 1340 – Sala 01 – Rio Maina – Criciúma – SC – 88.817-600

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Solutec
Solutec
A SoluTec Industrial nasceu no intuito de oferecer à Industria uma opção diferente de fornecimento de produtos de Transmissão de Potência, Equipamentos para Transporte de Materiais a Granel, Ferramentas de mão de uso industrial, Motores, Motoredutores e Vedações Rotativas.
Enviar mensagem
Precisando de ajuda?
Olá, podemos te ajudar?